Duas pessoas se oferecem para seguir a Cristo,  para uma ele respondeu: “As raposas tem seus covis, as aves dos céus, ninhos para; mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça”(Mt. 8:20). Para o outro Jesus disse: “Segue-me, e deixa aos mortos o sepultar os seus próprios mortos. Com isso Jesus mostra que a mais nobre de todas as atividades é segui-lo. Mas, seguir a Cristo implica em algumas conseqüências: 1. Quando você estiver atravessando os infortúnios e as tempestades, prepare-se para enfrentar a sensação de abandono. Esse principio está nos versos em Mt.8:23-27. A tempestade vem e Jesus está dormindo, o que deixa os discípulos apavorados, por isso clamaram dizendo:”Senhor, salva-nos! Perecemos!”. Ser discípulos de Jesus é ser rondando pelo medo da sensação de abandono. A boa noticia é que Jesus nunca nos abandona. Ele ouve sempre o nosso clamor, a nossa dor, a nossa lágrima e vem em nosso socorro. 2. Ser discípulo de Cristo é ser rejeitado pela cultura do mundo. Isso está em Mt. 8:28-34. A cultura materialista dos gadarenos, representada naquela vara de porcos que se perdeu, rejeitou a Cristo e aos seus seguidores a tal ponto que Mt.8:34 diz que toda “a cidade saiu para encontrar-se com Jesus..”, mas não para dar-lhe boas vindas, porém, para dizer-lhe: Saí daqui. A sua presença nos trouxer prejuízo. Você quer seguir a Cristo? Então abra mão da aparente segurança da riqueza. 3.Ser discípulo de Cristo é enfrentar os preconceitos religiosos. Este principio está em Mt. 9:1-8. Os religiosos disseram que Jesus não podia perdoar pecados, mas Jesus não se submete à formula criada por eles.  Você quer ser discípulos de Jesus? Aprenda a suportar o “silencio” de Deus; abra mão dos conceitos culturais de uma sociedade que ama o dinheiro; rompa com os padrões religioso e aprenda a andar no Espírito.

POR QUE SOMOS MAIS QUE VENCEDORES EM CRISTO? Mt. 8:18-9:8